Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Controle dos orçamentos nacionais

Quarta-feira, 08.09.10

Anuncia-se que doravante poderão a Comissão Europeia e o ECOFIN passar a analisar previamente os orçamentos estaduais, sobretudo dos Estados que desrespeitem os seus compromissos europeus. Enquanto se ouvem protestos contra tal atentado às soberanias nacionais – como se a essência do projecto europeu não assentasse numa partilha de soberanias…. – ainda não se escutaram vozes a reparar que tudo isto se passa nas "costas do povo", sem a menor discussão democrática. Ou seja, nas vésperas de passarmos a ter um regime bicameral na aprovação dos Orçamentos nacionais – primeiro, a Comissão e o Conselho analisam os grandes princípios gerais; depois, os Parlamentos nacionais aprovam a versão final – não é a questão da soberania a que mais releva na discussão. É essencialmente a da democraticidade do que se acaba de decidir. Já quanto à essência da decisão, se o novo método permitir prevenir ou evitar medidas mais duras contra Estados incumpridores, apenas terão de a recear aqueles que não se souberem governar. Se numa União a 27 há quem pague e quem receba, e há quem esteja vinculado a compromissos que cumpre e quem sistematicamente os viole, não é de espantar que os contribuintes líquidos e os cumpridores queiram saber como são aplicados os recursos de que se privam ou de que privam os seus cidadãos. Por muito que isso que nos custe.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Joao Pedro Dias às 02:49






links

ORGANIZAÇÕES EUROPEIAS

COMUNICAÇÃO SOCIAL



comentários recentes

  • Jorge Greno

    Mas então o Português deixou de ser língua oficial...

  • Pedro

    Bom dia,O Casa Europa está novamente em destaque n...

  • Henrique Salles da Fonseca

    BRAVO!!!Todos os políticos no activo praticaram o ...

  • O mais peor

    Até que enfim o sapo destaca um blogue de valor qu...

  • De Puta Madre

    Eu Gostaria que o Espaço Europeu não Tivesse nos S...

  • Dylan

    Se no caso egípcio, algumas pessoas acharam por be...

  • Carlos Medeiros

    Gostei do post. Estou totalmente de acordo. E cons...

  • silveira

    Não é isso que diz a notícia!... De qualquer forma...

  • silveira

    Se eu fosse juíz sentiria vergonha por esta rejeiç...

  • silveira

    É claro como água!... Para voltarmos a ter justiça...