Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Razões de uma não assinatura (I)

Segunda-feira, 20.02.12

[Madrid] Pedro Passos Coelho não assinou a carta que 12 Chefes de governo da UE dirigiram a Durão Barroso e a Herman van Rompuy, pedindo uma aposta da União Europeia numa estratégia de crescimento que não assente apenas em medidas de austeridade. Vendo  que a referida carta foi assinada por Primeiros-Ministros cujos Estados se encontram em francas dificuldades económicas e financeiras, quiçá mesmo se às portas de iminentes resgates financeiros - como a Espanha ou a Itália - e, inclusivamente, pelo chefe do governo da República da Irlanda - Estado já resgatado financeiramente - eu gostaria de saber, como cidadão e como português, se Pedro Passos Coelho não assinou a missiva por não concordar com o seu conteúdo ou por não ter sido convidado a fazê-lo. Não será indiferente a resposta que esta questão obtiver.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Joao Pedro Dias às 19:34






links

ORGANIZAÇÕES EUROPEIAS

COMUNICAÇÃO SOCIAL



comentários recentes

  • Jorge Greno

    Mas então o Português deixou de ser língua oficial...

  • Pedro

    Bom dia,O Casa Europa está novamente em destaque n...

  • Henrique Salles da Fonseca

    BRAVO!!!Todos os políticos no activo praticaram o ...

  • O mais peor

    Até que enfim o sapo destaca um blogue de valor qu...

  • De Puta Madre

    Eu Gostaria que o Espaço Europeu não Tivesse nos S...

  • Dylan

    Se no caso egípcio, algumas pessoas acharam por be...

  • Carlos Medeiros

    Gostei do post. Estou totalmente de acordo. E cons...

  • silveira

    Não é isso que diz a notícia!... De qualquer forma...

  • silveira

    Se eu fosse juíz sentiria vergonha por esta rejeiç...

  • silveira

    É claro como água!... Para voltarmos a ter justiça...