Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O resgate espanhol

Sábado, 09.06.12

O que tem de ser tem muita força. E desta feita o que tinha de ser era o resgate financeiro a Espanha, eufemisticamente dito que não concedido ao país mas apenas ao seu sistema bancário, e que surge no fim de uma muito anunciada e divulgada reunião do Eurogrupo, realizada por videoconferência ao longo de mais de três horas. 100MM€ é o valor anunciado dirigido apenas à recapitalização da banca espanhola. Pese embora os esforços esforçados do Ministro de Guindos em esclarecer que não é de um resgate que se trata nem que tem o Estado espanhol por destinatário - ninguém duvida que a partir deste momento a Espanha engrossa o rol dos Estados intervencionados ou apoiados financeiramente pelas instituições internacionais. Um rol que tragicamente se vai alargando sem que se possa dizer com segurança quantos ou quais os que se podem considerar a salvo de tal destino. Curiosamente, da cena mediática associada ao anúncio do resgate espanhol houve quem primasse pela ausência e se destacasse pela falta de comparência. Privilégios de Presidente de Governo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Joao Pedro Dias às 21:57